Caso de sucesso Breakthrough

A Breakthrough estimula a mudança cultural para acabar com as agressões sexuais no campus

A Breakthrough iniciou conversas significativas em vários campi para discutir sobre como acabar com as agressões sexuais no campus.

Caso de sucesso

A Breakthrough vislumbra um mundo onde todas as pessoas respeitam o direito de viver com dignidade, igualdade e justiça. Podemos criar esse mundo tornando inaceitáveis a violência e a discriminação contra mulheres e meninas.

Testemunho de solução
Usar o Facebook para direcionar conteúdo personalizado para os estudantes no campus nos preparou para continuar o trabalho no local sobre violência sexual com ativistas dedicados e pessoas que são novas nessa questão.
Impacto

A Breakthrough iniciou conversas significativas em vários campi para discutir sobre como acabar com as agressões sexuais no campus.

  1. Iniciou conversas com estudantes no Facebook sobre normas e comportamentos no campus. Foram publicados em média de 100 a 500 comentários intensamente focados nos problemas. Vários artigos foram escritos nos jornais estudantis em resposta à campanha.
  2. Foram criados relacionamentos com grupos no campus como resultado das campanhas nas redes sociais direcionadas para aproximadamente vinte universidades, com o objetivo de trabalhar em conjunto para acabar com a cultura de violência sexual e estupro.
  3. Mobilização de vários estudantes solicitando uma mudança estrutural e responsabilização da administração do campus, em particular, para mudar a cultura dele e reformar políticas que dão origem à pandemia.
Objetivos da campanha

O objetivo da campanha é interromper e transformar a cultura de violência sexual nos campi para oferecer segurança a todos os estudantes. Com direcionamento para estudantes e pessoas afiliadas às universidades por meio de redes sociais, a Breakthrough difunde a conscientização sobre o problema de violência no campus. Houve uma ampla conexão com grupos estudantis com o objetivo de estimular a ação e a mudança.

Abordagem
  1. Direcionamento: direcionamento para estudantes em universidades específicas por meio de publicações impulsionadas e publicidade.
  2. Comentários: resposta às opiniões e aos comentários deixados pelos estudantes envolvidos na conversa sobre violência sexual em campi universitários.
  3. Análise: rastreamento da análise sobre cada universidade e do alcance na ferramenta de anúncios para ver a porcentagem de estudantes alcançados em cada campus.
  4. Alcance offline: como acompanhamento das campanhas do Facebook, foi promovido o contato com grupos no campus, jornais universitários e presidentes universitários por meio de cartas.
Criativo da campanha

Para transformar a cultura e incentivar os estudantes a tomar ações visíveis contra a violência sexual, a Breakthrough fez publicações para os estudantes sobre como prevenir a violência sexual nos campi onde a violência sexual foi denunciada. Publicações e anúncios do Facebook incentivaram os estudantes a responder às publicações compartilhando opiniões e histórias, além de assinar petições.

Lições da campanha
  1. Crie relacionamentos: quando você responde perguntas e interage com os comentários, é fácil identificar apoiadores ativos e criar relacionamentos com eles.
  2. Compartilhe conteúdo de outros aliados: o Facebook é um ótimo lugar para criar parcerias e compartilhar informações ou artigos que seu público deve conhecer. O compartilhamento de outras organizações ou grupos permitem alcançar um novo público que já está preparado para seu conteúdo.
  3. Faça perguntas: o Facebook pode ser incrivelmente útil como um grupo de foco informal. Faça perguntas para o público e veja como você pode apoiar o trabalho que está sendo feito.